Abordamos o tratamento para estrias e informação de como evitar, prevenir ou mesmo acabar com as estrias. Produtos de tratamento para estrias, como cremes caseiros ou à venda no mercado. Como evitar estrias durante gravidez.


quarta-feira, 4 de maio de 2011

Quais as causas das estrias


As estrias caracterizam-se pela separação das camadas de pele originando uma pele estriada e descolorada, resultando de fraquezas na estrutura de sustentação da pele.
Ocorrem com maior frequência nas mulheres e são geralmente agravadas por motivos de crescimento rápido, ou por alterações hormonais ou por qualquer outra causa natural.
Os factores supostamente associados ao desenvolvimento das estrias são os seguintes:
• Genética: a elasticidade e a resistência da pele são características herdadas. Se a mãe ou a avó apresentavam uma pele mais resistente e elástica, a chance de ter estrias diminui.
• Alterações hormonais: os hormônios femininos podem levar a alterações das proteínas da pele, aumentando o risco.
• Gravidez: caso não haja um controle adequado do peso. Os seios são um local muito comum de aparecimento.
• Alterações de peso: o famoso "efeito sanfona" favorece o estiramento da pele, com consequente ruptura das fibras elásticas.
• Uso de corticóides: são medicamentos antiinflamatórios. Eles parecem estar associados a redução da elasticidade da pele.
• Musculação: nesse caso, os mais afectados são os homens. Quando exageram nos exercícios, o aumento muscular força as fibras, que se rompem.

As estrias poderão ainda decorrer de uma formação anormal de colágeno, sendo o resultado do uso de algum medicamento ou outro produto que possam interferir neste aspecto.
As estrias poderão ainda ser encontradas em crianças como resultado de obesidade, ou na adolescencia que possam sofrer um surto de crescimento durante a puberdade.


ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL